segunda-feira, 28 de abril de 2014

As concubinas do petróleo de Luanda



#justsaying e que tal se as mulheres fossem à luta, trabalhassem, e tivessem amor próprio e vergonha na cara???

Elas vendem-se por sapatos, carteiras e viagens...
Eles compram porque não sabem conquistar...
Elas são meras estudantes, misses, modelos, etc e no entanto conduzem carros de luxo...
Os cotas desrespeitam as esposas com menininhas mais jovens que os próprios filhos...
As cotas aguentam caladas porque há muito que perderam o amor-próprio, se é que algum dia o tiveram...
Elas compram com o dinheiro dos "patrocinadores" LVs, Guccis, Pradas e acham que por isso já são "alguém"...
Eles oferecem casas, carros e tudo o mais que lhes seja pedido na ilusão de se sentirem jovens, poderosos e grandes conquistadores...
Elas usam Louboutins, mas nem sabem como é que isso se escreve, muito menos conseguem escrever 2 linhas sem erros ortográficos...
Eles traem as esposas porque foi o que aprenderam com os pais...
Elas aturam caladas e não se separam porque não têm coragem para ser "divorciadas"... não querem perder o conforto material e a boa vidinha... e porque foi o que aprenderam com as mães...
Eles acham-se uns garanhões...
Elas fazem-se de santas, criticam as "periguetes" mas pela calada fazem o mesmo, ou pior...
Eles pagam às amantes as operações plásticas e os hotéís de luxo de Paris ao Dubai, ao mesmo tempo que apregoam o seu amor pelas esposas, os casamentos e famílias oficiais nas revistas cor-de-rosa...
Elas inundam o instagram vestidas por uns, e depois são despidas por outros...
Eles competem entre si para "comprar" a mais cara, a mais difícil, a "novidade do mercado"...
Elas sorriem para as fotos em poses de família feliz enquanto aguentam as traições constantes durante anos e perdem as noites a vasculhar os telemóveis dos maridos, ou pior, nem sabem onde ou com quem estes estão a dormir...
E assim vai esta sociedade, onde quase tudo tem preço, e quase nada tem valor!
E o pior de tudo... é que eles (e elas) andam no meio de nós!!!
#justsaying ... cansada de ver e ouvir tanta podridão!!!

Karina Barbosa. Facebook


Enviar um comentário