quinta-feira, 11 de abril de 2013

Polícia liberta Lisa Rimli



A pesquisadora da Human Rights Watch, Lisa Rimli, já foi libertada depois de cerca de uma hora sob custódia policial, em Cacuaco. Segundo depoimento da pesquisadora, os oficiais do Comando Municipal de Cacuaco informaram-na que a sua detenção visou apenas garantir a sua própria segurança, por não ter comunicado antecipadamente as autoridades policiais sobre a sua visita à zona da Kaop-Funda, onde foram realojados as vítimas das demolições de Fevereiro passado, no bairro Mayombe em Cacuaco.
Imagem:asasdoamor.blogspot.com 

Enviar um comentário