segunda-feira, 30 de julho de 2012

Angola: UNITA promete salário mínimo de 500 dólares


O aumento, diz a UNITA, é uma das peças do seu plano para combater a pobreza em Angola.
Por Coque Mukuta | Luanda VOA
O maior partido da oposição em Angola prometeu um salário mínimo de 500 dólares mensais a pouco mais de um mês das eleições de Agosto.

O aumento, diz a UNITA, é uma das peças do seu plano para combater a pobreza em Angola.

Ao apresentar o seu manifesto eleitoral  a UNITA prometeu, ainda, acabar as com as “demolições selvagens”, apoiar os desmobilizados, e fomentar o desenvolvimento e crescimento da economia.

Para o presidente da UNITA, Isaías Samakuva, o programa eleitoral do seu partido mostra que todos os angolanos serão tratados de forma igual.

Samakuva prometeu ainda combater a corrupção, acção que considera prioritária num governo da UNITA.

Enviar um comentário