quinta-feira, 3 de maio de 2012

Fiscalização corrupta no condomínio Interland - Denúncia



Luanda - Bom dia,  Sou morador do condomínio Interland, condomínio este pertencente ao grupo Mateba (liderado por Piero Danti, (na foto) ou seja Intertransportes sito no morro bento.  Aquando a compra dos apartamentos, não nos foi informado a mensalidade do condomínio, apenas deram uma previsão do que seria, previsão esta de 400usd. Depois de comprado o apartamento, ficamos a saber que o condomínio a ser pago é de 700usd.

Fonte: Club-k.net
Completamente um absurdo, um apartamento no valor de 300 e tal mil dólares e estar a pagar este balúrdio, é como se estivesse a pagar renda de uma casa.

Foi criada uma comissão de moradores no sentido de se resolver esta situação, mas a verdade é que a direcção daquela instituição está intermitente alegando que os valores não mudarão e que são apenas um deposito e que no final do ano vão apresentar as contas todas. Segundo eles 400usd são para segurança, limpeza, jardins, agua e o restante é para o combustível e manutenção do gerador.

Um prédio tem 16 apartamentos, totalizam por mês 11.200usd. O condomínio tem mais de 30 prédios, façam as contas e já saberão qual o valor auferido por eles.


Fazendo uma comparação com outros condomínios, ginga isabel 150usd mensal, riviera 650usd mensal, como é possivel um condominio pagar mais do que estes condominios se nem sequer é um condomínio de luxo. Temos problemas com a agua, não é potável, parece ser salobra, como é possível um condomínio no morro bento ter problemas de agua e energia enquanto que condomínios mais distantes não tem este problema. O condominio carece de fiscalização séria e não de uma fiscalização corrupta, porque o que tudo indica estão a tirar partido e com um serviço cheio de défices.

*Denuncia enviada por autor que pede anonimato

Enviar um comentário