terça-feira, 1 de maio de 2012

Funcionários do Estádio Internacional Tundavala estão há um ano sem salários



Lubango – Os funcionários do estádio Internacional Tundavala, localizado na cidade do Lubango, província da Húila, estão a um ano sem receberem os seus ordenados. Os mesmos dizem respeito aos meses de Março de 2010 à Março de 2011, os quais volvidos mais de dois anos sem receberem quaisquer explicações concisas pelo órgão responsável que é a direção da Juventude e Desportos aos visados.

Fonte: Club-k.net
O dossiê de acordo com as nossas fontes, é dominado pelas autoridades locais que fingem não saberem do caso. Este portal sob que por inúmeras vezes os lesados são obrigados a consentirem o facto, sob pena de serem despedido, tal como sucedeu no inicio do ano em curso, com aqueles que tentaram denunciar o caso na Polícia Económica e na ANGOP.

O director provincial da Juventude e Desportos na Huíla, Francisco Leonardo Barros, juntamente com o administrador do estádio, Tabaché, procuram ao máximo não abordar sobre o caso. O Club-k soube que das poucas vezes em que estes responsáveis se reuniram com os lesados para falar do caso apenas, Francisco Barros alegou que tudo estava a ser feito para se ultrapassar a situação pelas instâncias superiores tanto do ministério da tutela, bem como do governo provincial.

Importa realçar que, pela sua dimensão o estádio nacional precisa de mais trabalhadores para poder mudar o triste aspecto que apresenta actualmente desde a relva até alguns compartimentos do mesmo. A Huíla albergou a serie D onde estiveram envolvidas as selecções dos Camarões, Zâmbia, Tunísia e Gabão.



Enviar um comentário