domingo, 10 de novembro de 2013

Angola no Top da Lista de 'países com as mulheres mais fáceis de conseguir sexo '


Site americano especializado em mapas estatísticos, o portal Target Map gerou polêmica em redes sociais de diversos países após criar uma escala sobre " as mulheres mais fáceis para se conseguir sexo " ao redor do mundo.
A escala, de zero a cinco, as Angolanas estão no topo como  muito fáceis para se conseguir sexo ", ao lado de outras nacionalidades como Camarões ,Moçambique, Zimbábue,Gana, Zâmbia e Rd.Congo e na América a Latina peruanas, boliviana.
As brasileiras como "fáceis para se conseguir sexo", ao lado de outras nacionalidades como mexicanas, colombianas, sul-africanas, polonesas, russas e chinesas.
A maior parte das europeias foram consideradas "de dificuldade normal para se conseguir sexo", como suecas, britânicas, portuguesas, francesas, holandesas, suíças e alemãs. Outras nacionalidades como americanas, canadenses, australianas, chilenas, indianas, japonesas e sul-coreanas foram enquadradas no mesmo escalão.
Como "mulheres difíceis para se conseguir sexo" apareceram espanholas, italianas, argentinas, norte-coreanas e outras de países islâmicos, como turcas, líbias, afegãs e paquistanesas.
Segundo o site, as "mulheres muito difíceis para se conseguir sexo" são naturais de países árabes, como Egito, Arábia Saudita, Irã, Síria e Iraque, além do Sri Lanka, nação localizada próxima à Índia.
Como fontes para o ranking são citados os escritores americanos Nicholas Jack e Daryush Valizadeh, mais conhecido como "Roosh V", que escreveram livros sobre "como seduzir mulheres ao redor do mundo".
Apesar de considerado machista, generalista e acusado de retratar mulheres como objetos, o mapa, publicado em outubro, ainda não foi retirado do ar e é uma das páginas mais acessadas do portal.
Angola24horas

Enviar um comentário